Treinamento em compliance: a importância do microlearning

0 11

*Por Marcelo Erthal, CEO da clickCompliance e especialista em tecnologia

Em corporações cada vez mais dinâmicas, é essencial que a equipe de compliance trabalhe em sintonia com os outros setores da empresa para que todos os colaboradores se alinhem aos mesmos objetivos, cumpram as regulamentações da empresa e, consequentemente, alcancem a qualidade esperada pelo cliente final. E a metodologia que mais dá resultados para um treinamento em compliance é o microlearning, estratégia que garante a capacitação e o aprendizado dos colaboradores, sem comprometer suas rotinas de trabalho.

Fundamentado em dividir o treinamento em pequenas unidades de aprendizado, o microlearning é o grande revolucionário da educação corporativa. Segundo um estudo publicado no Journal of Applied Psychology, o microlearning é 17% mais eficiente em comparação com os métodos tradicionais de aprendizagem, uma estatística que ressalta o impacto positivo em empresas que prezam pelo seu crescimento, mas sem interferir na produtividade ou no bem-estar dos funcionários.

Diferentemente de modelos tradicionais, em que muitas vezes a empresa toda é reunida para longas palestras e workshops, a flexibilidade e a tecnologia do microlearning permitem que os colaboradores acessem o conteúdo de treinamento de qualquer lugar, a qualquer hora e de maneira gradual. Portanto, profissionais que vivem atrás de encaixar compromissos em suas agendas apertadas podem facilmente cumprir o treinamento por meio do celular, computador ou qualquer outro dispositivo eletrônico, sem atrapalhar seus prazos ou demandas.

Além da conveniência, é importante ressaltar que a técnica de microlearning sempre vai respeitar o tempo de aprendizado dos funcionários. As “infinitas” horas de aulas, com detalhes extras a cada unidade, são trocadas por doses pequenas de conteúdo, que podem ser absorvidas em poucos minutos. Essa possibilidade estimula os profissionais a absorverem cada conteúdo no seu tempo, sem precisar se afastar de suas atividades no trabalho ou interromper as aulas por um prazo indeterminado.

Outra característica valiosa do microlearning é a divisão do conteúdo em módulos. Em um ambiente de constante mudança, onde regulamentações e procedimentos podem evoluir rapidamente, a capacidade de “refrescar a memória” é inestimável. Assim, a estrutura modular permite que os colaboradores revisitem e recapitulem temas e informações relevantes quantas vezes quiserem, reforçando a retenção e garantindo que os conceitos aprendidos sejam internalizados ou até aprofundados. Para a área de compliance, esse é um benefício inestimável, pois garante que as normas e a cultura da empresa sejam bem fixadas na rotina e na mente dos colaboradores.

O microlearning, portanto, é uma estratégia que combina a flexibilidade da tecnologia com a eficiência no aprendizado, criando um campo fértil para as empresas desenvolverem e fortalecerem suas áreas de compliance. No final das contas, todos saem ganhando.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.