Jovem MK se junta a Iza Sabino e Laura Sette no novo single “Sempre Vigiando”

0 14

A grande promessa do drill e aposta da KondZilla na música urbana, Jovem MK é cria da Hortolândia, município do interior de São Paulo, e já é uma figura conhecida nas batalhas de rimas. Lançou no último ano a música Favelinha, que faz parte do seu primeiro EP pela KondZilla “Da Viela Pro Mundo”, e já conta com quase 1,5M nos streams. Agora, a artista divulga seu mais novo sucesso, “Sempre Vigiando”, que chega nas plataformas hoje com videoclipe oficial no Canal KondZilla, que soma mais de 66 milhões de inscritos atualmente. 

[ouça aqui]

[assista aqui]

“Sempre Vigiando” é produzida por Fahel, que tem influências musicais diversas em suas produções como Veigh, DaLua, MC Hariel e Kayn. Para esse novo hit, Jovem MK convida a dupla Iza Sabino e Laura Sette, ambas artistas do selo  “Quadrilha”, projeto do cantor Djonga. A música vem trazendo uma inspiração de Jersey Club, que é um gênero de música dance eletrônica, com fortes raízes no hip hop, downtempo, R&B e crunk.

SEMPRE VIGIANDO
Jovem MK, Iza Sabino e Laura Sette
produtor: Fahel

 GG vai ser
Se tu não se esconder
Quando eu chegar
Pra trocar
Eles vão ver
Hoje é 8K
Na conta de quem chamei
Eles vão pirar de ver BH em L.A


É de lei
Todo o meu bonde cobrando o que deve
Na rua a madruga não vira mídia
Eu dando fuga no meu sentimento
Mas vejo que isso isso só me complica
Se eu tentar acabar com isso tudo
Explodo essa porra só com click
Você tá acima da média
Eu posso ta’ acima do tempo
Pediu peso no meu talento
Eu sinto peso do meu passado
Boto trechos que eles chapa
E meu plano já tá bolado
Quando der tempo esgotado
Não passa nada
Não fica um fio
Se eu pegar pra falar da história que tá na memória daria um filme

Daria filme
De suspense e drama
Ficou tão clichê
Como dizer que só me ama
Mal e o bem me quer
Porque sou a ganha
Não arredo o pé
Enquanto tiver todo meu sossego mais que grana 

Minha mente neurótica, cria cenário de todas essas merdas que eu já vivi
E meu vício em renascer me faz querer matar todas essas merdas que eu já senti


Acelera na pista, não mosca
Que os porcos já tão na entoca
Fica achando que eu sou da roça
Que assim eu aprendi a caçar


Eu to viva então sigo tentando
Viver isso não tava no plano
Mas pra isso nois ta dedicando
Nois ja corre tipo mili ano

Tô acostumada, não vou render pra fulano
Ciclano fala mal mas se desse tava colando
Conheço o seu tipo, é o que sempre ta sugando
Sai “zika”, Deus é mais
É que eu to sempre vigiando


Olha no meu olho se quiser falar comigo
Eu consigo observar tudo aquilo que não é dito
Medito
E deve ser por isso que eu até consigo
Descansar um pouco enquanto te elimino


Há uns anos atrás eu não tinha nada
Eu tava dura
Menor de idade, sem medo da morte
Sempre fui mais chucra
Uma AK 40 do cano cortado
Jovem, jovem pura
12 anos na bica, 13 dezesseis
Carbura, carbura, carbura, carbura


Essa planta verde dentro da Mercedes
Eu conto esses placo subindo outro base
Lembrando da gente, lembrado de como rendia
De como rendia uma sesh
De como eu girava essa grana no CEP
No fundo da VS não entenderiam
Como que funciona o crime
Essa merda quase me tirou da linha
Eu não tinha medo, jovem não temia
Armada até os dentes, mano, eu não tremia
Eu não saio descalça, eu só saio com uma quadrada na cinta
Se tiver peito, tu vem
Se não tiver melhor poupar sua vida

GG vai ser
Se tu não se esconder
Quando eu chegar
Pra trocar
Eles vão ver
Hoje é 8K
Na conta
De quem chamei
Eles vão pirar de ver BH em L.A

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.