Dia Mundial da Saúde: Conheça hábitos para uma vida saudável

0 10

O Dia Mundial da Saúde é comemorado no dia 7 de abril. A data foi criada em 1950 e é comemorada no mesmo dia da fundação da Organização Mundial da Saúde (OMS), que ocorreu em 1948. O objetivo da data é garantir o melhor nível de saúde para as pessoas em todo o mundo, através da divulgação de temas importantes para a sociedade e que possam contribuir com a melhoria da qualidade de vida.

Focar na saúde é uma forma de aumentar o seu bem-estar, sua qualidade de vida e sua longevidade. Porém, existem muitos desafios no dia a dia. Mudar essa rotina exige uma boa dose de disciplina, força de vontade e compreensão sobre o que são hábitos saudáveis.

Especialistas esclarecem alguns hábitos saudáveis que irão te ajudar a ter uma saúde melhor e longevidade:

Faça Pausas: “Nosso estilo de vida atual é tão acelerado que por muitas vezes esquecemos que nosso corpo não é uma máquina. Faça pausas! Por mais que pareça incoerente em um primeiro momento, relaxar e refletir é fundamental. Separe um tempo toda semana para fazer isso”, orienta Ivana Cabral, psicóloga e reprogramadora mental.

Durma um sono de qualidade: “Ter uma boa noite de sono é essencial para todos, e não só pela disposição, o sono é um fator importantíssimo para a saúde física. Durante uma noite de sono muitos acontecimentos importantes se realizam no nosso organismo. Para o período da noite, não se esqueça de que o seu organismo estará preparado para o descanso. Portanto, diminua a intensidade das luzes artificiais para que a produção de melatonina não seja atingida, e assim, garantir uma boa noite de sono”, explica a infectologista e especialista em medicina integrativa Flávia Cohen, da clínica FVC.

Pegue Sol: “Uma certa porção de Vitamina D. Além dos benefícios, como mais disposição e energia, o Sol é uma forte influência para o sono: ele regula e coordena os sistemas do nosso organismo, inclusive nas pausas noturnas. Acontece que para isso é preciso investir alguns minutinhos diários de exposição ao Sol, entre 6h e 10h, de 10 a 30 minutos”, reforça a infectologista e especialista em medicina integrativa Flávia Cohen, da clínica FVC.

Rir é o melhor remédio: “Ditado popular com um fundinho de verdade e comprovação científica. O riso pode te garantir alguns benefícios para a saúde, como artifício natural de bem-estar físico e mental. São eles: diminui a dor, ajuda na imunidade, melhor a digestão e afasta a depressão”, orienta a infectologista e especialista em medicina integrativa Flávia Cohen, da clínica FVC.

Exercite o seu cerebro: “Você sabia que o seu cérebro precisa de exercícios e estímulos para funcionar melhor? Com atitudes simples e bons hábitos você pode melhorar a sua qualidade de vida cerebral. Mudar a rotina, ler mais e evitar usar tecnologia por pelo menos uma hora antes de dormir”, aconselha Dr. Haroldo Chagar, Neurocirurgião (Membro SBN e SBC).

Tenha contato com a natureza: A paisagista Rayra Lira mostra como uma relação com as plantas pode se tornar uma terapia e ajudar na busca pela felicidade: “Os benefícios para a saúde são muitos como, por exemplo, melhora da concentração, diminuição do estresse e do cansaço mental”. Rayra diz que as plantas podem reduzir os níveis de ansiedade e seu cheiro pode ajudar a melhorar a qualidade do sono e a produtividade durante o dia: “Observe sempre a sua plantinha, tirei até fotos para ter uma noção do crescimento dela. As plantas ajudam no processo terapêutico, além de harmonizar a casa, trazendo equilíbrio; ajudam a desenvolver os sentidos e proporcionam bem-estar físico e mental”, finaliza.

Pratique exercícios físicos regularmente: Para a enfermeira Yasmin Lacerda, da rede Amor e Cuidado, a pratica de exercícios físicos regularmente também ajuda a promover o sentimento de felicidade. “Entre os diversos benefícios da atividade física está a liberação de serotonina e endorfina, que promovem sintomas de felicidade. Vamos aproveitar e usufruir dessa prática no nosso dia-a-dia, aliado aos alimentos mais saudáveis, que trazem sensações de bem-estar” – aconselha.

Multiplica a sensação de bem estar: O autocuidado e guiar nossos pensamentos são fatores que auxiliam na obtenção de uma vida mais leve, contagiando quem está a nossa volta. A reprogramadora mental Ivana Cabral (@ivanacabral_oficial) destaca os efeitos dessa relação entre autocura e bom humor: “Praticar mantras e afirmações positivas são ferramentas muito eficazes para o autodesenvolvimento. Pessoas positivas emanam alegria e boas energias. Dá vontade de estar o tempo todo ao lado de gente assim!”, finaliza.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.