Como será o documentário que tem participação de Priscila Goes em Londres

0 53

A escritora Priscila Goes esteve na Inglaterra e participou do lançamento do livro Somos F*das e da gravação de um documentário que irá mostrar a trajetória do projeto.

A escritora brasileira Priscila Goes, de Coité, interior da Bahia, saiu do Brasil há menos de um ano para conquistar seu merecido espaço no mercado editorial europeu e internacional. Com apenas 31 anos de idade e mais de 70 livros lançados pela sua editora (PG Editorial) nas Américas, Europa , Oriente Médio, Ásia e África, Priscila segue em uma trajetória de sucesso e tem grandes projetos ainda por serem concretizados em 2022.

No dia 14 de março, a escritora foi convidada de honra para o lançamento da obra Somos F*das (PG Editorial, 2021) em Londres, Inglaterra. O evento aconteceu no Global Institute London e contou com diversas presenças ilustres. O livro Somos F*das, editado por Priscila Goes, é uma parceria da PG Editorial com a Rede Conexão Mulher. Com prefácio da atriz global Daniele Suzuki, a obra leva consigo uma mensagem de empoderamento feminino, baseada no relato autobiográfico de 22 mulheres que ocupam posições de destaque e relevância na sociedade e no mundo corporativo, dotadas de personalidades diferentes e residentes em diversas partes do mundo. As autoras se propuseram a contar suas próprias histórias de superação, autoconhecimento, desenvolvimento pessoal e profissional para inspirar, quebrar paradigmas e contribuir para a transformação de vida de outras mulheres.

Realizando sonhos

Segundo a escritora, que também é doutoranda na Universidade de Aveiro (Portugal) e professora de disciplinas como Construção da Linguagem Escrita na UCSAL (Universidade Católica do Salvador) e Faculdade da Região Sisaleira (FARESI), o objetivo da PG Editorial e dos seus livros é realizar sonhos. “Eu um dia sonhei estar vivendo tudo isso. Hoje estou aqui na Europa, fazendo aquilo que eu amo, que é escrever. Agora, através da PG Editorial, quero também realizar os sonhos de outras pessoas, que assim como eu, sonham e almejam deixar um legado ao publicar seus livros. Para este ano temos muitos outros projetos em andamento, de autores brilhantes e sonhadores de várias partes do mundo, inclusive do Brasil. Estamos em franca expansão e sempre são bem-vindos mais autores e mais projetos.” Além dos projetos lançados de outros escritores, Priscila já escreveu seis livros autorais e deve lançar o sétimo ainda este ano.

A escritora e CEO da PG Editorial também aproveitou a passagem pela Inglaterra e pela Escócia, para participar da gravação do documentário “Somos fadas e f*das”, do cineasta Felipe de Freitas, que vai relatar os bastidores e toda a trajetória desse projeto, desde a concepção da iniciativa até o lançamento oficial da obra, na mostra de arte Imperfeita, de Frida Khalo, que aconteceu no Coletivo 284, em Lisboa, Portugal ao lançamento em Londres. Agora, depois de brilhar nas terras da rainha Elizabeth II, Priscila Goes parte ainda este mês, dia 25, para o grão-ducado de Luxemburgo, onde irá palestrar sobre liderança, empreendedorismo e cultura. Em abril, a escritora retoma sua agenda de lançamentos editoriais com evento na Fnac Aveiro, em Portugal.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.